Como está sendo usada a energia solar no Brasil

A energia solar vem aumentando a passos largos no Brasil. Há várias vantagens econômicos bem como ambientais que estão contribuindo o encorajar o desenvolvimento desta fonte de energia renovável.

Rio de Janeiro, Brasil.

Rio de Janeiro, Brasil.

Favorecido pela elevada incidência de raios solares dentro de sua extensão e pelas reservas de quartzo destinadas a fabricação de silício, que é empregado na produção de células solares, o Brasil possui condições de atuar em circunstância bem confortável quanto à produção energética até a metade deste século. Esta ampla atratividade do Brasil para investimento solar faz com que nosso país tenha potencialidade para se consolidar como uma das principais lideranças no ramo de energia solar

Apesar disso a energia solar ainda é subutilizada no Brasil, mesmo sendo uma energia limpa e acessível todos os dias, que não polui nem gera impactos ambientais significativos. Essa energia pode ser aproveitada de forma passiva (usando objetos escuros com o objetivo de reter o calor, por exemplo) ou de forma estimula, transformando em energia térmica ou elétrica. Existem especialmente 2 dispositivos de captura de energia solar que podem ser usados: os aquecedores solares e os painéis fotovoltaicos.

Os aquecedores solares já possuem determinada utilização no Brasil, especialmente em residências. Consiste em placas coletoras que funcionam dessa maneira: a água fria passa pelos canos que estão na interior dos coletores; esses canos e o fundo são feitos de materiais escuros bem como absorventes, que retem o calor vindo do sol. O vidro que cobre o dispositivo ajuda no aquecimento das componentes, fazendo com que a água esquente sem precisar utilizar a energia elétrica. Isso gera uma economia de até 80% na conta da luz no fim do mês! É uma saída relativamente barata e os coletores podem até mesmo serem fabricados de materiais recicláveis, por exemplo garrafas pet, caixas de leite longa vida e canos que sobram das construções.

Já os painéis fotovoltaicos são dispositivos bem mais complexos, que requerem ciência de ponta na sua produção, sendo por isso materiais caros e de grande impacto ambiental na sua fabricação. Essas células fotovoltaicas, assim como também são chamadas, convertem a energia solar exatamente em energia elétrica, podendo este ser usada para qualquer objetivo dentro da residência ou empresa. Frequentemente são instalados no topo dos edifícios. Uma solução bastante atual, apresentada no Brasil, para reduzir os custos de gerar sua própria energia através do uso energia solar são os condomínios solares, que possibilitam economia de escala, além de oferecerem uma opção de aluguel de lotes no qual o consumidor não precisa comprar os painéis solares.  

Iniciativas conhecidas no Brasil

Conheça algumas das iniciativas mais comentadas no Brasil quando o assunto é energia solar:

  • A Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica foi gerada em Janeiro de 2013 e tem o propósito de estimular o comércio, destruir as barreiras da área de energia solar no Brasil e representar o interesse desta atividade.
  • Minas Gerais foi o primeiro estado brasileiro a isentar o ICMS para a energia solar.
  • O Instituto Ideal foi originado com o objetivo de fomentar e popularizar a utilização da energia solar no Brasil.
  • Foi publicado o Atlas Solarimético Brasileiro que mapeia o recurso solar em todo o território Nacional.
  • O primeiro leilão de energia solar no Brasil aconteceu em 2014 e foi um sucesso contratando 1.000MW médios apx.
  • A ANEEL lançou em 2012 a Resolução Normativa, que foi revisada em 2015, com o intuito de estimular o consumidor a gerar sua própria energia e a usar a geração distribuída.
  • Em 2013 ocorreu a chamada pública da ANEEL que viabilizou a construção de diversas mini usinas de energia solar no Brasil
  • A COSOL, é a primeira plataforma online criada com o objetivo de reunir consumidores, que dificilmente se conhecem mas têm em comum o desejo de economizar e de contribuir para um planeta mais sustentável, e com isso possibilitar construções de usinas compartilhadas em todo o país.
  • O Solcial é o primeiro programa social de energia solar no Brasil que pretende dar acesso a todos a esta fonte de energia renovável.
  • O BNDES esta financiando fábricas de painéis fotovoltaicos para trazer a tecnologia para o Brasil e gerar empregos.
  • Dua aldeias indígenas, localizadas na terra indígena Sawré Muybu, no sudoeste do Pará receberam sistemas de energia solar e agora produzem sua própria energia.
  • Em 2015 o número de empresas que atuam com geração distribuída fotovoltaica atingiu a marca de 835, segundo o Mapa organizado pelo Instituto IDEAL. Praticamente o dobro do que havia no ano anterior.

Devagar e paciente a produção de energia através da luz do sol vai crescendo no Brasil, país que é referência quando se trata elevada radiação. Devido as inovações, maior conhecimento e mais facilidade de acesso acreditamos muito em breve seremos também referência para o mercado de energia solar e construiremos um Brasil renovável.

Referências: Coletivo Verde; Autosustentavél


SIGA A COSOL NO MEDIUM: MEDIUM.COM/COSOL