energia eólica

Energia solar pode trazer mais de R$ 125 bilhões em investimentos até 2030

Energia solar pode trazer mais de R$ 125 bilhões em investimentos até 2030

As atuais projeções da Empresa de Pesquisa Energética (EPE),possuem a meta de 25 gigawatts  de potência instalada da energia solar fotovoltaica até 2030.

Alagoas isenta ICMS de energia renovável

A publicação de terça-feira, 27/09, do Diário Oficial do Estado trouxe o decreto assinado pelo governador Renan Filho, regulamentando o Convênio 16 do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz).

A geração energética sustentável

Mais da metade da capacidade energética gerada em todo o planeta foi produzida de usinas eólicas e solares, pela primeira vez, em 2015.  

Comparando 2015 e 2014, o crescimento do uso de energia limpa foi de 110,76%.

Comparando 2015 e 2014, o crescimento do uso de energia limpa foi de 110,76%.

Os dados são fornecidos pelo Relatório Mundial "Renováveis 2016", publicado pela rede mundial de políticas em energia renovável (REN21). As usinas solares e eólicas estão competindo com vantagens sobre as hidrelétricas, por necessitarem de menor investimento, serem construídas mais rapidamente do que as grandes barragens e serem menos agressivas ao meio ambiente.

As usinas hidrelétricas que geram energia renovável predominam no Brasil como sendo fontes geradoras de eletricidade, fato positivo do ponto de vista do aquecimento global porém, geram significativos impactos negativos ao meio ambiente no local onde são construídas as barragens, afetando os ecossistemas, a sua fauna e flora. 

A recusa do IBAMA em fornecer a licença ambiental ao projeto da Usina Hidrelétrica de São Luiz de Tapajós deve reprimir a questão sobre o represamento de grandes rios para a construção desses empreendimentos que provocam grandes impactos sociais e ambientais. Pode ser o primórdio para umas renovada época, uma vez que o custo em queda da instalação de energias renováveis, como a solar e a eólica, torna essas fontes mais vantajosas do ponto de vista econômico. 

A reprodução de investimentos da área privada por todo país em fontes renováveis indica que o processo de conversão do sistema energético tomou um destino irreversível. A energia solar é a fonte com maior potencial de expansão por causa de às características do país que possui alta exposição aos raios solares ao longo de todo ano, e por toda sua extensão.

Pesquisas do Plano Nacional de Energia (PNE,2050), em elaboração pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE), estimam que 18% dos domicílios em 2050 contarão com geração fotovoltaica.

Deve-se considera que esse é um modelo de energia que pode ser produzida nas residências com a instalação de painéis solares nos telhados, ou através de lotes em condomínios solares que são mais acessíveis devido diminuição dos custos das células fotovoltaicas. No início de agosto a empresa cearense Santelisa Embalagens tornou-se a primeira indústria brasileira movida totalmente pela energia solar, obtida de 9.231 painéis fotovoltaicos instalados ao lado da unidade. 

A energia eólica aparece em seguida como alternativa energética do futuro. No Brasil, a geração de energia gerada pelos ventos teve grande multiplicação nos últimos anos. Comparando o ano de 2015 e 2014, o crescimento foi de 110,76% e entre o primeiro semestre de 2016 e mesmo período do ano passado houve aumento de 55%, de acordo com a Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). E neste ano a geração de energia eólica aumentou 55% somente no primeiro semestre em relação com os mesmos meses de 2015.

Um das grandes desafios enfrentados pela humanidade é o aquecimento global, criado pelo gases do efeito estufa como o CO2 sendo o resultado da utilização de combustíveis fósseis. Como a sustentabilidade do mundo está em perigo, o uso de fontes alternativas é o melhor opção que se apresenta no momento, e dentre estas, a solar e a eólica são a mais acessíveis e estão se tornando mais viáveis economicamente. 

O sistema energético brasileiro para ser sustentável precisa, obrigatoriamente, de mais investimentos, melhorando sua eficiência e dotando o matriz energética de redes inteligentes que possam integrar as várias modalidades (eólica, solar, hídrica) o partir da produção até o consumo. O investimento em pesquisa é necessário a fim de que aumente a eficiência e diminuía o custo da produção e instalação das usinas de fontes alternativas. 

Fonte: Pensamento Verde.


SIGA A COSOL NO MEDIUM: MEDIUM.COM/COSOL


Novo mapa solar e eólico para download no ATLAS GLOBAL da IRENA

Pela primeira vez, dados do recurso de energia renovável produzidos de forma privada estão disponíveis para download a todos gratuitamente.

Atlas sobre energias renováveis da Irena

Em maio deste ano, a Atlas Global da IRENA das Energias Renováveis anunciou uma nova ferramenta que permite aos usuários fazer download de dados de recursos renováveis a partir de conjuntos de dados selecionados para análise offline. Até agora, apenas dados de fontes de financiamento público selecionados estava disponível. Isso mudou agora que a Vaisala, líder mundial em medição ambiental e industrial, fez com que os seus dados médios anuais sobre irradiação solar e da velocidades do vento estejam disponíveis para download através do Atlas Mundial. Esta capacidade dá aos desenvolvedores, os tomadores dos decisões políticos e pesquisadores acesso a dados globalmente consistentes de recurso que pode ser usado na definição de políticas e execução de planejamento inicial do projeto e prospecção.

O mapa da Vaisala no Atlas Global fornece acesso a radiação solar e velocidade do vento globais.

O mapa da Vaisala no Atlas Global fornece acesso a radiação solar e velocidade do vento globais.

Acesso aos dados mundiais confiáveis da radiação solar

Nicolas Fichaux, Diretor Sênior do programa da IRENA, sente-se orgulhoso do progresso do que o Atlas Mundial tem feito desde que foi lançado em 2013. "Nosso objetivo comum é para acelerar o crescimento das energias renováveis em todo o mundo. Ao empurrar os limites de dados de recursos disponíveis ao público, IRENA e Vaisala estão ajudando o setor a se mover mais rapidamente, diminuindo a complexidade de entrada em novos mercados de energia renovável. O sector privado reconhece o desafio, e este contributo da Vaisala demonstra seu contínuo apoio para o trabalho da IRENA. "

Pascal Storck, Gerente Global de Serviços de Energia na Vaisala, acrescentou: "Facilitar o acesso aos dados confiáveis do recurso é um primeiro passo essencial quando se trata de apoiar a expansão global de energia renovável. É nosso objetivo e responsabilidade para minimizar o risco de investimento para a indústria em todo o ciclo de vida de projetos - desde os esforços de prospecção em fase inicial destes dados permite ao previsões financeiras e de apoio operacional em tempo real mais detalhada nós fornecemos aos clientes. Trabalhando com IRENA como parte da Iniciativa Global Atlas nos dá a oportunidade de maximizar o alcance global de nosso conjuntos de dados solares e eólicos para o benefício da comunidade internacional de desenvolvimento de energia renovável e as suas ambições em novos mercados promissores ".

Dados de energia solar e eólica de alta qualidade

Os dados podem ser carregados a partir do mapa da Vaisala no Atlas Global, em formato GeoTIFF em porções de 4 MB. dataset eólica global da Vaisala fornece velocidades médias anuais de vento a uma altura de 80 metros e uma resolução de 5 km, com base em dez anos de dados de hora em hora de simulações avançadas e validados contra medidas no terreno. O conjunto de dados solar global fornece irradiação anual média global horizontal (GHI) a 3 km de resolução. A informação é baseada em mais de dez anos de dados horários derivados de imagens de satélite e validados contra medidas no terreno.

Como baixar os dados solares no Atlas Mundial da Vaisala

Como baixar os dados solares no Atlas Mundial da Vaisala

Para mais informações sobre como transferir os dados do Atlas Global, assista o breve tutorial sobre as novas funcionalidades na versão 2.1, ou assista o webinar recente sobre a Avaliação dos Recursos Solares com a Atlas Global de Energias Renováveis da IRENA.

Fonte: Irena


Olá, vamos bater um papo! É só se cadastrar aqui e iremos te enviar alguns emails com o melhor do nosso conteúdo para te ajudar, seja você um consumidor de energia, investidor, epecista ou apenas interessado neste maravilhoso mundo da sustentabilidade!

É um caminho de comunicação direto que nenhum outro portal oferece para seus leitores. E a intenção é construir uma comunidade vibrante que esteja preparada para todos os enormes desafios que virão. Vamos construir conhecimento e conteúdo juntos! Contamos muito com a sua presença neste papo! Cadastre-se na caixa ao lado!